Viajante

Como é bonita, a natureza. E como é bom viajar.

De comboio, enquanto as ondas chegam à costa e o vento as retrai. Como é bonita a nossa costa, as nossas terras. Ah, Portugal.

Fui pelo Algarve fora mais cedo do que alguma vez tenho memória. O céu azul – cinzento por vezes. O sol distante, muito quente em dias de atrevimento. O laranja característico do seu pôr, do reflexo na areia e na terra. O barulho do comboio a chegar e, mais tarde, a partir. Como é bom.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Up Next:

Um metro

Um metro